Kihon

Kihon é o ABC do Karatê. Ele condiciona os reflexos dando potência nos golpes, agilidade para atacar ou para se defender, ao mesmo tempo desenvolvendo equilíbrio quanto ao poder de esquiva.

Treinar Kihon é indispensável aos novatos e também aos veteranos. Aos novatos, treino constante de Kihon é a grande prova para ver se eles estão em condições para ser praticantes de Karatê. Pois ele exige uma grande dose de paciência, humildade e principalmente de auto crítica.

Sempre temos algo a aprender, portanto, os veteranos devem praticar Kihon com assiduidade, pois só assim vão adquirindo perfeição nas posturas e elevação espiritual.

Os alunos adiantados que rejeitam a prática de Kihon é porque se consideram perfeitos “ninguém é perfeito”, quem assim se considera está regredindo.

Lembre-se de que o fundamental do Karatê é de trilhar em direção ao infinito. Para se iniciar tamanha jornada, devemos superar a parte física e iniciar a parte mental, isto é, treinar constantemente, repetindo todos os movimentos, e quando percebemos que treinando os Kihon sempre estaremos aprendendo algo de novo, isto significa que uma grande transformação estará ocorrendo em nosso interior.